Vamos falar sobre política?

13/09/2018

Você conversa sobre política com seus filhos em casa? Certamente você conversa sobre ‘os políticos’, certo? O jovem brasileiro está inconformado com o país em que vive, assim como os pais. O problema é que a revolta com partidos e políticos corruptos está afastando a juventude das discussões sobre os fundamentos da economia e do desenvolvimento.

 

 

Inserir os jovens no espectro da política, de modo que se transformem em protagonistas da contemporaneidade, vencendo essa apatia, é fundamental. Vale lembrar que, historicamente, a juventude sempre foi considerada um importante agente social – apesar de tratada como rebelde na maioria das vezes. A questão é que o papel dos pais nesse processo é enorme, uma vez que a consciência cívica precisa começar em casa.

 

A inclusão da juventude nos debates políticos é um desafio da democracia e dos pais no mundo inteiro, o problema é que este desafio tem dois lados: a falta de interesse do jovem e a falta de abertura das instituições para receber e ouvir as demandas dos jovens.

 

De acordo com o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), em torno de 16% da população do mundo tem entre 20 e 29 anos, mas essa faixa etária representa apenas 1,6% de parlamentares, dos quais a maioria são homens.

 

No Brasil a situação não é melhor em termos de representatividade. Segundo dados da Campanha por um Plebiscito Constituinte para a Reforma Política, enquanto os jovens (de 16 a 35 anos) representam quase a metade do eleitorado, o Congresso Nacional tem apenas 3% de jovens.

 

Esse distanciamento da juventude com o tema está fazendo com que os jovens deixem de votar ou de se candidatar, e ainda faz com que votem no candidato dos pais ou no mais bem posicionado nas pesquisas, o que é ruim. Isso tem que mudar e todos precisamos contribuir para reverter esse quadro.

 

Um levantamento do Instituto Data Popular trouxe recados importantes à classe política: 92% dos jovens apostam na própria capacidade de mudar o mundo, mas apenas 70% acreditam no voto como instrumento de transformação da Nação.

 

As Eleições estão aí! Vamos juntos, pais e escola, incentivar a participação dos nossos jovens no processo de desenvolvimento da Nação. É nosso papel lutar por uma sociedade com uma juventude participativa formada por cidadãos plenos, com possibilidade de fazer a sua parte na construção da história. 

 

 

 

Please reload

Colégio Atlântico

Tel: 47 3368.4756 / 3368.4412

WhatsApp: 47 99215-0479

secretaria@atlanticoeducacional.com.br

Rua 260A nº388

Meia Praia

Itapema-SC

whatsapp-colégio-atlântico