Por que nossos filhos e alunos precisam ler?

03/04/2019

Abril é um mês especial para os apaixonados por Literatura, pois marca três importantes datas: Dia Internacional da Literatura Infantil (2/4); Dia Nacional da Literatura Infantil (18/4) e Dia Mundial do Livro (23/4).

 

Para quem tem filhos ou trabalha com educação, o período não poderia ser mais representativo, por isso é essencial lembrar os benefícios que a leitura traz para o desenvolvimento das crianças. Hoje, cerca de 70% dos brasileiros adultos nunca leram um livro. Essa estatística precisa ser mudada no futuro!

 

 

Então vamos lá: por que, afinal, nossos filhos e alunos precisam ler?

 

Porque a leitura é para a mente o que o exercício é para o corpo, ela coloca o cérebro para trabalhar. Enquanto lê, nosso cérebro está ativo – crescendo, mudando, fazendo novas conexões e padrões diferentes, o que nos dá liberdade para vagar pela extensão do espaço, tempo, história e oferece uma visão mais profunda de ideias, conceitos e emoções. A leitura também melhora o desempenho acadêmico e cria uma sociedade mais igualitária.

 

A literatura infantil é a porta de entrada para um universo lúdico e cheio de possibilidades. Mas além de permitir que as crianças explorem as inesgotáveis possibilidades que existem no mundo da imaginação, o hábito da leitura é fundamental para o aumento da proficiência da escrita e da própria leitura. Ler, além de ser divertido e prazeroso, é também fonte de conhecimento, e é através do conhecimento que uma sociedade crítica e pensante é construída.

 

Quando falamos sobre os benefícios da leitura, contudo, é fundamental ressaltar que nem todo tipo de leitura traz desenvolvimento, pelo contrário. Segundo pesquisa recente, o advento das redes sociais trouxe um comportamento que está atrofiando partes importantes do cérebro devido ao hábito de ler apenas headlines, se limitando às notícias rápidas e compactadas.

 

Em contrapartida, outro estudo indica que a leitura de um romance, por exemplo, pode provocar mudanças de conectividade reais no cérebro, que persistem por alguns dias mesmo depois que o livro acaba. Os resultados foram publicados na edição de dezembro do periódico inglês Brain Connectivity.

 

 

Viu só como vale a pena convencer os pequenos a largarem joguinhos e a TV para abrirem os livros? Vamos ajudar você nesta missão, passando algumas dicas práticas para incentivar a leitura em casa desde cedo. Confira! 

 

  • Seja exemplo

  • Desligue a televisão

  • Crie um momento de leitura

  • Ofereça diferentes tipos de texto

  • Respeite o gosto do leitor

  • Vá com calma

  • Frequente livrarias e bibliotecas

  • Monte um cantinho da leitura

  • Conheça o autor

  • Estude a época retratada

  • Alie com outras diversões

  • Tablet não é só para joguinhos

  • Não deixe se tornar uma obrigação

 

Curiosidades:

 

Dia Internacional do Livro Infantil: 2 de abril

Data comemora o aniversário de nascimento de um dos mais importantes nomes da literatura infantil, o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen. Andersen não foi o primeiro a escrever para o público infantil, mas é considerado o primeiro autor a adaptar fábulas já existentes para uma linguagem mais adequada ao universo dos pequenos.

 

Dia Nacional do Livro Infantil: 18 de abril

Data instituída em 2002 para homenagear Monteiro Lobato, escritor que deixou um legado enorme para a literatura infantojuvenil, já que mais da metade de seus livros era dedicada a esse público. Sua primeira história infantil, A menina do narizinho arrebitado, foi publicada em 1920.

 

Dia Mundial do livro: 23 de abril

A data foi proclamada em 1995, pela UNESCO, para homenagear três dos maiores escritores de todos os tempos, pois se comemora neste dia o nascimento (1564) e a morte (1616) de William Shakespeare; a morte (1616) de Miguel de Cervantes e o nascimento, em 1899, de Vladimir Nabokov. 

 

 

 

Please reload

Colégio Atlântico

Tel: 47 3368.4756 / 3368.4412

WhatsApp: 47 99215-0479

secretaria@atlanticoeducacional.com.br

Rua 260A nº388

Meia Praia

Itapema-SC

whatsapp-colégio-atlântico